ATW Delivery Brands lança três marcas no franchising, dessa vez, focadas no almoço

Grupo ATW Delivery Brands foi criado com a premissa de ser a maior holding de dark kitchens do mundo. Para isso, os sócios passaram a vivenciar o mercado de franchising e a entender o que era necessário para construir uma marca com baixo custo de investimento e alta lucratividade.

Em outubro de 2017, o grupo lançou no mercado o N1 Chicken, sua primeira marca de franquia, e em 2021 ampliou as opções para o consumidor com as marcas Gringo Wing’s Planet e Julius Doggs. “Nossa prioridade é dar suporte e meios para que os franqueados tenham o melhor método de trabalho com o delivery e o dark kitchen, atuando com um modelo de negócio enxuto e inovador. Passamos um ano testando cada modelo de negócio”, comenta Rafael Matos, sócio fundador do grupo.

Após se consolidar e se tornar referência no mercado de delivery, o ATW resolveu ir além e atingir um novo público com novas marcas, dessa vez focadas apenas em almoço. “Decidimos apostar em marcas voltadas para o almoço, com um horário de funcionamento diurno para o franqueado, sendo este de manhã até a tarde, fugindo da ideia do marmitex, que já está saturado no mercado”, pontua.

A Associação Brasileira de Franchising – ABF – em parceria com a consultoria Galunion, divulgou recentemente uma Pesquisa de Food Service. O estudo mostra que as vendas por delivery cresceram 140% no último ano. O levantamento aponta que mais de 50% dos entrevistados acreditam que Dark Kitchens seja a principal alternativa para expansão. A modalidade que apareceu timidamente no país, se destacou durante o período de isolamento social. Hoje o ATW é responsável pela administração de mais de 310 franquias de dark kitchens (incluindo Brasil, Portugal e México).

Entre as novas marcas estão Arroz e Feijão, O que comer, Fernando? e Uma Yá. A primeira possui um cardápio variado e bem abrasileirado. Divertida e colorida, é uma excelente opção para o trabalhador brasileiro que gosta de comer bem e pagar pouco. Já a “O que comer, Fernando?” possui um cardápio mais “gourmetizado”, com pratos premium, é uma ótima pedida para quem quer dar uma variada.

Agora para quem gosta de comida oriental, a pedida é a Uma Yá, apostando no Kawaii, a marca busca trazer o sabor de Kyoto para o Brasil, apostando na comida tradicional japonesa e uma receita de lámen original. “Nosso objetivo é gerar um leque de opções que abordam todas as fatias do mercado, desde a comida oriental aos pratos típicos brasileiros”, ressalta Rafael.

O valor de investimento total nas redes do grupo é de R$ 199 mil para o projeto completo de uma cozinha com três franquias (Arroz e Feijão + O que comer, Fernando? + Uma Yá), o faturamento médio é de R$ 140 mil, com uma lucratividade de 20% e o prazo de retorno estimado de 12 a 18 meses. “O lançamento oficial aconteceu no final do mês de junho deste ano, já possuímos duas vendas concretizadas e nossa expectativa é de comercializar 200 e inaugurar 25 unidades até o final do ano”, afirma.

Matos ainda pontua que a experiência no mercado de franquias só auxiliou para o lançamento das novas marcas. “Com as três primeiras, nós aprendemos bastante sobre expansão e o mercado de delivery e isso nos auxiliou muito a pavimentar esse caminho e conseguir resultados com mais velocidade e facilidade”, finaliza.

O ATW Delivery Brands possui parcerias com Aryzta, Pagseguro, Coca Cola, Unilever, iFood, BRF, PicPay e GoodPack, que mostram a seriedade e o cuidado com o franqueado e o público.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.