Novo app de comida dá cashback a cada pedido realizado

O aplicativo Appétit Delivery colhe bons resultados da proposta inédita no país que desenvolveu. Desde 2018, quando implantou o cashback, a empresa já distribuiu R$ 700 mil em crédito, ou quase R$ 200 mil por ano. A via é de mão dupla, bom para cliente e empresa, já que ao mesmo tempo que dá desconto, fideliza. Levantamento da marca mostra que mais de 85% dos clientes voltam a comprar no mesmo lugar onde ele ganhou o primeiro crédito, embora possa usar o crédito em qualquer outro estabelecimento ligado ao app. A plataforma de marketplace e entregas atende estabelecimentos do ramo de restaurantes, bares e similares, supermercados, farmácias e distribuidores de água e gás.

Diferente de um cupom de desconto, o cashback oferece ao usuário um percentual de volta em crédito para que possa ser utilizado em uma próxima compra. A vantagem vale ainda para quem indica o aplicativo para um amigo. “Imagine que um estabelecimento ofereceu um desconto de 10%. Numa compra de 100 reais, se o usuário usar o desconto, vai entrar no caixa da empresa apenas 90 reais. Já no caso do cashback, o usuário paga 100 reais para o estabelecimento e ganha 10 por cento para comprar novamente e o estabelecimento fica com esse dinheiro no caixa até na virada do mês, quando ele faz o repasse para nós”, explica Juliano Matias, um dos sócios da empresa. O desenvolvimento da plataforma é da empresa de tecnologia da informação (TI) Rhede Sistemas.

As empresas parcerias da proposta oferecem descontos com percentuais variáveis. Além disso, a marca aposta em campanhas de estímulo para o uso do cashback. Agora em julho, por exemplo, o mês da pizza foi celebrado com promoção de compra e troca por crédito. “Todo mês a gente trabalha uma temática diferente, mas se o estabelecimento não estiver oferecendo nada, a gente garante, no mínimo, 1% de volta”.

A Appétit Delivery opta por emplacar a marca em cidades menores, driblando a concorrência das megaempresas, geralmente voltada aos grandes centros e que não oferecem cashback. A marca vem crescendo após ser licenciada. A empresa, do oeste do Paraná, está espalhada com lojas em todo o País: são 13 estados com a marca e 69 cidades. “Fechamos agora com mais duas cidades do Amazonas de 35 mil habitantes”, confirma Matias. Até o final deste ano, a meta é chegar em 150 cidades. O aplicativo tem mais de 2,5 mil estabelecimentos cadastrados e 1,3 mil entregadores em operação.

Inspirado em programas de benefícios difundidos especialmente na Europa e nos Estados Unidos no fim da década de 90, o cashback significa, literalmente, “dinheiro de volta”. No Brasil, o sistema é conhecido em outros modais e, recentemente, vem sendo difundido. Uma das empresas pioneiras a adotar o conceito no País, por exemplo, teve abertura de 2,4 milhões de contas de janeiro a março deste ano, um salto de 73% a mais que no primeiro trimestre de 2020.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.