Negócios sustentáveis: vinho em Bag-in-Box otimiza em 88% o processamento de gases do efeito estufa

Formato adotado pela Fabenne também poupa 97% de resíduos sólidos pós-consumo em comparação às garrafas de vidro

Dados da Ideal Consulting mostram que, em 2020, a venda da categoria de vinhos no formato bag in box cresceu 10%, chegando a 2,2 milhões de litros consumidos no Brasil. Com uma maior preocupação em relação ao meio ambiente, novas alternativas são essenciais. Um estudo da Scholle IPN comparou 4 garrafas de vinho com 1 bag de 3 litros, que contém a mesma quantidade de bebida. Os dados apontam que a caixa envolve um gasto de 86% menos energia, otimiza em 88% o processamento de gases de efeito estufa e diminui em 97% os resíduos sólidos pós-consumo.

Referência no setor e primeira startup brasileira a oferecer vinhos no formato, o vinho da Fabenne permanece em boa qualidade por 30 dias depois de aberto, oferecendo, além de tudo, uma boa relação custo x benefício na categoria. “Quando falamos deste formato, estamos oferecendo um produto eco sustentável, bom para o meio ambiente e para o bolso. Isso também facilita que o consumidor incorpore o vinho ao seu cotidiano”, comenta Adriano Santucci, CEO da startup.

Os vinhos da Fabenne são vendidos via e-commerce próprio e distribuídos para todo o Brasil. Atualmente, a startup comercializa seis tipos de vinho em seu site: os tradicionais Cabernet Sauvignon, Moscato Giallo e Rosé e a linha Seleção Especial com os varietais Cabernet Sauvignon, Malbec e Chardonnay. Em constante expansão de seus negócios, a empresa registrou crescimento de 200% no primeiro semestre de 2021 ante o mesmo período de 2020, obtendo faturamento de R﹩4 milhões.

A startup, que surgiu ligada aos valores familiares representados pela Nonna, ícone da marca, inaugurou uma frente social em julho de 2021 e doa R﹩0,50 por pedido feito no site para um dentre três lares de idosos que o cliente poderá escolher no momento da compra.

Sobre a Fabenne:

A Fabenne é a primeira startup de vinhos bag in box do Brasil, com embalagens próprias para a bebida, eco-friendly, fáceis de manusear e que preservam a qualidade do produto por até um mês após aberto. Com ritmo acelerado de crescimento, a marca quebra paradigmas e ritos da categoria ao levar a bebida para o território da casualidade, evitando que regras afastem o consumidor e atrasem o processo de desenvolvimento do mercado brasileiro. Acesse fabenne.com e saiba mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.