Dia do Sorvete: celebre a data ao estilo faça você mesmo

Instrutor do Senac RJ conta um pouco da história e dá dicas para preparar sorvete em casa.

Controle de temperaturas e movimento constante garantem a cremosidade característica do sorvete.

Celebrado no dia 23 de setembro, o Dia do Sorvete festeja a iguaria que existe há mais de 4 mil anos, já foi restrita ao paladar das classes mais abastadas, pode ser a sobremesa principal ou acompanhamento de outros preparos, agrada crianças e adultos e até é indicado pelos médicos em alguns tratamentos pós-operatórios, por aliviar a dor e reduzir o inchaço. Ou seja, com tanta história e benefícios você nem precisa de nenhuma desculpa para apreciar um sorvete agora. Delicie-se!

O instrutor dos cursos de Confeitaria do Senac RJ Esteban Canessa conta que o sorvete foi criado na China, há mais de 4 mil anos, após o congelamento incidental de uma sobremesa à base de leite e arroz na neve. “Logo a ideia ganhou prestígio entre os nobres, que dispunham de leite, um item caro ao qual a população não tinha acesso, e também por poderem conservar a neve mesmo até o verão, utilizando câmaras frigoríficas subterrâneas”, explica Esteban.

Ao longo dos milênios, a invenção chinesa correu o mundo e ganhou o refinado toque italiano por volta de 1565, com a criação do gelato pelo arquiteto Bernardo Buontalenti. Em 1686, o chef Francesco Procopio dei Coltelli, também italiano, inventou a primeira misturadora para a produção de gelato. No Brasil, o sorvete chegou por volta de 1835, com a rápida popularização da mistura de gelo e frutas pelas ruas do centro do Rio de Janeiro que era vendida com horário marcado, para que o produto não derretesse antes dos clientes chegarem.

Mas, afinal, qual a diferença entre gelato e sorvete? Esteban explica que “primeiro temos que falar o que é gelato: ele é a mistura líquida que vira pastosa mediante a ação simultânea de agitação e resfriamento, dando como resultado um produto semi sólido e pastoso. Sua produção é comumente artesanal, com produtos de alta qualidade, como leite e frutas, sem adição de aromas, essências ou corantes. Já o sorvete, com produção massivamente industrial, utiliza esses aditivos e saborizantes. E existe ainda o sorbet, uma variedade do gelato feita a base de água, açúcar e frutas, sem derivados do leite, ovos e gorduras.”

Para garantir um preparo de qualidade, Esteban ressalta que “é preciso utilizar produtos de boa procedência e ter atenção a cada etapa do processo, em especial ao controle rigoroso das temperaturas e movimento constante da sorveteira, em velocidade baixa, que garantem a cremosidade do sorvete; e também às fases de maturação, congelamento e conservação do produto, em temperaturas entre -18°C e -20°C”, finaliza.

Confira abaixo duas receitas, de Sorbet de Limão e Sorvete de Baunilha, sugeridas pelo time de Confeitaria do Senac RJ e divirta-se preparando seu próprio sorvete para celebrar este 23 de setembro.

Sorbet de limão

Ingredientes

250 ml de suco de limão.
250 g de açúcar refinado.
250 ml de água.
Raspas de um limão

Modo de preparo:

1 – Ferver a água com o açúcar.
2 – Reservar na geladeira até atingir 4°C.
3 – Juntar o suco de limão e bater na sorveteira (há batedeiras que dispõem de um acessório para fabricação de sorvetes, que mantém a temperatura baixa enquanto mistura o produto).
4 – Polvilhar as raspas.
5 – Armazenar em pote hermeticamente fechado no congelador em temperatura entre -18°C e -20°C.

Sorvete de Baunilha

Ingredientes

150 ml de leite integral.
500 ml de creme de leite fresco.
1 unidade de fava de baunilha ou 1/2 colher de sopa de essência de baunilha.
200 g de gema.
150 g de açúcar refinado.

Modo de preparo:

1 – Ferver o leite com o creme de leite e a fava ou essência de baunilha.
2 – Bater a gema com o açúcar.
3 – Despejar o leite aromatizado sobre as gemas, voltar ao fogo e cozinhar até atingir 82°C.
4 – Esfriar a 4°C.
5 – Bater na sorveteira. (há batedeiras que dispõem de um acessório para fabricação de sorvetes, que mantém a temperatura baixa enquanto mistura o produto).
6 – Armazenar em pote hermeticamente fechado no congelador em temperatura entre -18°C e -20°C .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.