Notícias


Dicas para não deixar a azia e a dor de cabeça atravessarem o seu samba

Atualizado em 12/02/2018

Carnaval é significado de festas e diversão. No entanto, é comum, no dia seguinte, parecer que levamos a Sapucaí para a casa e que o samba continua na cama. O que muitos foliões não sabem é que esse incômodo pode ser proveniente de problemas estomacais, já que entre um bloco e outro, ou na folia dos desfiles das Escolas de Samba, vilões da alimentação podem estar fantasiados de bons moços. Na correria, é um refrigerante aqui, um salgadinho com pimenta ali, e já viu, né? Por outro lado, tem gente que se diverte tanto que esquece até de comer.

"A dor de cabeça proveniente do estômago é mais comum após o consumo de determinados alimentos e bebidas, como chocolates, café, chás, refrigerantes e comidas picantes. Mas ficar sem comer por muito tempo também pode provocar a mesma dor", explica Ana Santoro (CRM.: 5247120-3), Gerente Médica da GSK Brasil.

Se sua noite foi boa, o dia também tem que ser

Quem nunca acordou parecendo que o samba continua na cama e/ou que está com vários foliões na barriga? O segredo de um dia seguinte sem esses sintomas pode estar em pequenas mudanças na letra do samba, mas, em alguns casos, também é preciso buscar a origem desse enredo.

"Geralmente, os sintomas gastrointestinais estão presentes antes e durante o aparecimento da dor de cabeça. Observar se a dor de cabeça começa junto ou após o aparecimento dos sintomas gastrointestinais é a grande dica para saber sua origem", ressalta a doutora.

Porém, quando a azia e a dor de cabeça atravessam o samba, uma outra forma de combatê-las é com a utilização de antiácidos e analgésicos, alguns, inclusive, específicos para esses sintomas associados – azia mais dor de cabeça.

"Ela pode ser tratada com Sonrisal, medicamento com efeito 2 em 1: combate a azia e a dor de cabeça. Mas é importante ter sempre em mente que qualquer sintoma que se torne persistente deve ser investigado e acompanhado por um médico. Vale mencionar ainda, que o produto não é indicado em casos de suspeita de dengue", esclarece Ana Santoro.

Sobre GSK

Uma das indústrias farmacêuticas líderes globais, a GSK está empenhada em melhorar a qualidade da vida humana permitindo que pessoas façam mais, vivam mais e sintam-se melhores. Saiba mais em www.gsk.com.

Sonrisal

Ácido acetilsalicílico, bicarbonato de sódio, carbonato de sódio, ácido cítrico.

Indicações: Alívio da azia, má digestão e dor de cabeça.

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.

ESTE MEDICAMENTO É CONTRAINDICADO EM CASO DE SUSPEITA DE DENGUE

CHBR/CHSON/0022/16-Jun/16ª

MS 1.0107.0141



Publicidade

Publicidade



Publicidade

Publicidade