Sabor e Saúde


Gordura localizada: mitos e verdades

Nutricionista desmistifica principais boatos sobre a perda da barriguinha saliente

Atualizado em 10/05/2016

A busca por um corpo bonito e saudável tem uma longa trajetória, cada vez mais soluções milagrosas e dicas para perder a barriga aparecem das mais diversas formas. Esse é de fato o maior problema, pois informações, muitas vezes equivocadas, tomam força e fazem muita gente adotá-las como verdade.

Por essa razão, a nutricionista da Atual Nutrição, Cátia Medeiros, conta quais são verdades e quais não passam de mitos. Dessa forma, eliminar o excesso de gordura de forma saudável se tornará algo bem mais garantido e saudável.

1) Existem alimentos que ajudam a perder a gordura localizada.

Meia verdade. Em primeiro lugar, se estiver acima do peso, deve-se pensar em reverter esse estado procurando uma alimentação equilibrada e individualizada. Existem alimentos que ajudam nesse processo, mas, claro que não fazem milagres. Deve-se procurar comidas que possuam:

-Fibras

Elas ajudam no bom funcionamento intestinal, favorecem a eliminação de toxinas, além de alimentar a flora bacteriana intestinal. As fibras podem ser encontradas em frutas, verduras, legumes, cereais integrais, algas e leguminosas (feijões, grão-de-bico, soja, ervilha, lentilha, vagem).

- Magnésio

Esse mineral atua em conjunto com o cálcio, ajudando a diminuir o inchaço e a vontade de comer doce. Podemos encontrá-lo no figo, aveia, beterraba, acelga, quiabo, alcachofra, abacate, banana, nozes e castanhas. Consuma duas vezes por dia, no mínimo.

2) Tomar água morna em jejum auxilia na perda da gordurinha.

Mito. A única verdade nisso é que ingerir alguma bebida de manhã pode ajudar na saciedade, apenas isso. Geralmente, um mix de fibras pode ser interessante, por auxiliar na saciedade e regular a taxa de açúcar do sangue. Então a fome chegará mais tarde. Além disso, diminui a absorção de gordura.

3) Suco de limão, chá verde e farinha de linhaça dourada auxiliam na perda de gordura localizada.

Verdade. Eles são famosos pela razão correta. Os três possuem ação termogênica e também em outras situações orgânicas, como saciedade e diminuição de absorção de gorduras.

4) Alimentos diets são emagrecedores e podem auxiliar na perda da gordura.

Mito. Eles não são emagrecedores e nem ajudam na perda de gordura. São direcionados geralmente a uma população com alguma recomendação específica, por exemplo, os diabéticos. Um bom exemplo é o chocolate diet, que tem 100% do açúcar retirado, mas possui um maior teor de gordura, portanto é mais calórico que a versão normal.

5) Optar por produtos integrais, como pão e massa, ajuda a eliminar a barriguinha.

Verdade. Esses produtos são ricos em fibras, além de obter várias vitaminas e minerais, favorecendo a diminuição da indesejável barriguinha. Isso, porque auxilia no processo de emagrecimento, melhora o funcionamento intestinal, se for acompanhado de uma boa hidratação, e auxilia na boa nutrição, evitando assim a retenção hídrica, por exemplo.

6) A culpa da barriguinha saliente não é apenas dos alimentos.

Verdade. Uma barriga com excesso de gordura localizada pode ter diversas causas como herança genética, alteração hormonal e retenção de líquido. Para diminuí-la é preciso antes de tudo determinação, aliando uma alimentação equilibrada e individualizada e atividades físicas devidamente direcionadas aos objetivos procurados.

Cátia Medeiros completa dizendo que não existe nenhuma fórmula mágica para acabar com a gordura localizada. "O que existem são algumas modificações em nossa rotina que podem melhorar a situação. Mastigar devagar, optar por um jantar mais leve e sempre praticar atividades físicas são atitudes que, realmente, podem fazer a diferença\", finaliza a nutricionista.



Publicidade

Publicidade



Publicidade

Publicidade