Cachaça


Festa Junina e a cachaça

Com a paçoca, o pé de moleque, pipoca e pamonha, nada melhor que matar a sede com aguardente

Atualizado em 05/06/2015

Eu adoro festas junina! Gosto do friozinho, das flanelas, docinhos, bebidas quentes, e confesso, dos bigodes. Mas voltemos ao que interessa, essas bebidinhas de São João dão o que falar. Ornam bem demais com o clima, pois o vinho e a cachaça esquentam a rabiola! Ô lá em casa, sô!

O quentão, talvez a mais típica dessas bebidas na celebração, é popular justamente por acender uma fogueira aconchegante dentro de nós. Essa nos ajuda a caminhar por entre as barracas enquanto consideramos qual o próximo quitute a ser degustado. Mas antes que eu me perca, descrevendo as mais deliciosas combinações juninas, trago um fato interessante sobre a festa.

A tradição junina, apesar de ser associada com a farra e o forró nordestino ou com os trajes dos gaúchos e suas bombachas no sul, é uma interpretação de uma antiga festa dos nórdicos europeus. As Festas juninas estão relacionadas às celebrações pagãs ao solstício de verão em 24 de junho, o dia com maior duração de luz solar no hemisfério norte. No entanto, já que estamos no hemisfério sul, resinificamos essa data, dando a ela, principalmente o aval para comer e beber sem sentir culpa.

Com a paçoca, o pé de moleque, pipoca e pamonha, nada melhor que matar a sede com aguardente. O quentão, mencionado acima, harmoniza com as iguarias sazonais. Por isso, o Gastronomia pegou a receita do quentão do site Papo de Bar para ensiná-los a preparar essa marvada.

Ingredientes pro Quentão

◦ 1 1/2 xícaras de açúcar
◦ 1 1/2 xícara de água
◦ 50 g de gengibre cortado em fatias finas (1/4 de xícara)
◦ 3 limões cortados em rodelas
◦ 4 xícaras de pinga
◦ 3 cravos da índia
◦ 2 pedaços pequenos de canela em pau

Modo de preparo do Quentão

Aqueça o açúcar em fogo alto, mexendo de vez em quando até caramelizar. Junte todos os ingredientes menos a cachaça e ferva mexendo até dissolver o açúcar. Pegue a cachaça e junte com cuidado, de preferência fora do fogo pra não dar merda, misture e deixe ferver em fogo baixo por 3 minutos. Agora entorne essa delícia.”
A dica do Gastromania é aproveitar as pequenas doses da bebida para diversificar o paladar. As festas juninas têm uma variedade incrível, dependendo da região, da cultura e do gosto do cozinheiro ou barman. Por isso, curta essa época para se aventurar na gastronomia e descobrir a nossa riqueza cultural pela comida.



Publicidade

Publicidade



Publicidade

Publicidade